Reflexão em Essência Compartilhada

terça-feira, 12 de novembro de 2019

Palavras em Foco

De onde me posto
Vejo
e
Revejo ao longe
O perto e o hoje
Que ontem já se
 Transformou
Vislumbro dessa forma
Surreal
O futuro
Palavras em foco
Num tilintar de esperança
Que alimento a mente
Esse e o sonhar
Que como nuvens
Em desenhos
Se
Faz
e
Depois
se
 Refaz
De onde
Me posto
Respiro palavras
Que ganham rimas
E em versos
se
Trans
For
Mam
entre sonhos e delírios
CatiahoAlc./Reflexo d'Alma 
Em minha Pasargada 2
16020121620

segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Sentir...



Texto composto ante a presença de um lindo ser que me encanta alma e  me devolve a calma
Sentir
In
Ten
    Cio
 Nal
   Men
Te

Sinto mais que pensa
Vivêncio mais que imagina
Sonho mais que me permito
Desejo mais que deveria

Sentir
           Vivênciar
                    Sonhar
                          É desejar

                                            A
                                               lém
                                                     ... 

Reflexo d’Alma 
                       entre 
                             sonhos e delírios

sábado, 9 de novembro de 2019

Na verdade...


Não quero escrever
Uma  só linha
Que não seja Poesia
Gosto do sol amarelo
Da lua prateada
Do brilho das estrelas
Mas nunca pretendo
Compor nada
Que não me seja
 Inspirado
Por pura e inconsequente
 Paixão
Essa é minha
Única regra
Na
Verdade
CatiahoAlc./Reflexod'Alma

sexta-feira, 8 de novembro de 2019

Des tro ços

Noite a dentro
Almas rasgadas
Corações palpitantes
Seres que não sendo
Vida que foge
Por entre os dedos
Calma na alma
Que olha não se comportando
Também não se conformando
Seres que se foram
Como espelhos espalhados
Vida a fora
Misturas  tão nítidas
Cada nuance em seu lugar
Sangue que corre
Pra onde tem que chegar 
Som do peito 
que já ardendo
Agora abafado ,rasgado
que se perde
Nesse universo
Que a tudo se rendeu
Alma cansa
Prossegue só a jornada
Certa que tudo 
de si já deu
Agora do alto
Observa calada
que as doze baladas
ninguém a ouvir ao trabalho se deu
São apenas destroços espalhados
de um tempo
que se perdeu...
CatiahoAlc./Reflexod'Alma 
entre Sonhos e  Delírios


i

Confesso

Confesso que
 escondi
me guardei
e parti.
Fui para o infinito
 sem rumo
CatiahoAlc./ReflexodAlma
221120071455

quinta-feira, 7 de novembro de 2019

Liberdade de Sonhar


Que são sonhos
quando quem sonha
não os sabe realizar?

Que ainda da vida
cativo sem razão
a vontade deixar aprisionar?

Todo ser livre nasceu
mas questão faz  de dizer
que disso já se esqueceu?

É fácil responsabilidade
a outros só transferir
 ou confundir com  o simples ir e vir.

Liberdade é mais que isso.
É o outro abraçar, chegar bem perto
e dizer como é bom pode amar.

Liberdade é sonhar dia ou noite,
mas de preferência olhos abertos
para um a um poder realizar.

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Ato de ouvir



Assimilar subsídios
Acumular elementos 
Perceber nuances
diversificadas
disfarçadas
escondidas

Ouvir é mais que um ato
Mais que o aparelho auditivo
Muito mais que a soma de palavras
ao ar
ao vagar
ao escutar
Ouvir é não pronunciar
Nem mesmo proferir
Muito menos vociferar
é calar
postar-se
elevar-se

Ouvir é aquietar o coração
Estar pronto pra sentir
Para deixar-se embalar pronto
disposto
pré disposto
totalmente exposto

Em fim
Ouvir é simplesmente
pela voz do outro
deixar-se
embalar
CatiahoAlc./Reflexod'Alma

terça-feira, 5 de novembro de 2019

Mãos... Mãos.

Encantos tantos com elas criados
Causados
Compar tilhados
Des pertados

Momentos marcados por leves

Toques
Movi mentos
Experi mentos

Por elas ao mundo 

A vida vem
Pro vém
Man tém

Mãos de gente que marca a vida

Com trabalho
A ção
Ar te 

Mãos que acenam

Esperança
Inspi rando
Con fiança

Mãos sempre Mãos

Lindas
Encan tadoras 
Sedu toras

Envolventes 
Espalhando 
Muitas
Se mentes

CatiahoAlc./Reflexo d'Alma 

07072911012

segunda-feira, 4 de novembro de 2019

Todo dia



Minh'Alma se enche de alegria
E consigo pensar nova Poesia
Seja sobre gente
Ou sobre afeição
A poesia flui com perfeição

Nascer Poeta

è muita responsabilidade
Pois é necessário
Saber  lidar com a
Própria sensibilidade

Se um dia chove

No outra já faz sol
A vida de quem escreve
Segue em palavras
Descrevendo o essencial

Todo dia amanheço outra

Alimento na mente ideais mil
Esqueço as tristezas da lida
E faço da Vida
Uma Poesia sem igual

Catiaho Alc./ReflexodAlma entre sonhos e delírios

949071020204

sábado, 2 de novembro de 2019

Calei dos cópio que sou

Há um desejo em mim, 
que hoje não cessa.
Vem junto com um grito, 
que não tem força pra sair.
Desejo escrever versos,
 que apenas descrevam o belo.
Grito que faça reacender 
o lúdico que temos 
dentro de cada um de nós.
Mas acontece que  meus versos
 são somente reflexos.
Tons de uma alma em constante
 renovação ou seria revolução?
Apenas versos, 
parte do caleidoscópio que sou.
Cores não mais primitivas,
porém já decompostas 
no arco íris
 que é a vida.
CatiahoAlc./Reflexo d'Alma entre delírios e delírios
060720100559

Pesquisar este blog

Share |