Reflexão em Essência Compartilhada

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Poesia é a canção da minha alma...que silencia por um pouco

Poesia é a canção da alma
é a expressão dessa poeta
 que hoje tem as palavras cortadas ao meio
 com seus sentidos  distorcidos
Assim sendo  por um pouco
deixo algumas coisas que elevam minha alma
e que  fazem brotar minha poesia
Deixo hoje de correr
deixo de  dançar e cantar,
 deixo também de me entregar ao mar
Não sou poeta que dissimula
e faz de conta quando a conta não bate
os resultados...
Dançar me eleva a alma,
cantar me trás elevo
e mar me seduz e encanta com seu poder
total sobre mim.
Deixo por um pouco
tudo que que me faz bem
para que não os  contamine
com o que não é digno de uma poeta de alma 
como eu.
A poesia é minha voz, porem me encontro calada....
Que não seja eterno e que não dure.
Reflexo d'Alma em tempos de silenciar a poesia que havia em mim.





Pesquisar este blog

Share |