Reflexão em Essência Compartilhada

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Hoje acordei "Margarida"(pode mexer pra mim...precisa de seu toque)


Ahh hoje estou só...só.
Só como uma margarida
que branca ,
que pura
Se encontra ali sem guarida
Sem proteção,
e exposta
importa
e se porta
e se impõe.
Ahh... hoje acordei tão 'Margarida"
Bem explicita
implicita...
assim sem pudores de ser só ela,
assim sem nada esconder.
Ahh hoje
Saudade é meu nome
Saudade tem seu nome
Saudade é fome
é Abandono do ser.
Saudade hoje sou eu...
Sem você.
Assim...
Como uma bela margarida
que mesmo cercada por outras
É sempre vista sozinha
Destacada, quase issolada.
Ahh ...
hoje acordei assim Margarida
E sigo meu dia sozinha
ai ai....
e você?

Pesquisar este blog

Share |