Reflexão em Essência Compartilhada

quarta-feira, 31 de março de 2010

&Entardecendo por dentro&

Entardece tão lentamente que nem 
se percebe,
A cada piscadela, 
um pouco do dia 
se foi.
Na outra aos poucos a noite 
se achega...
O céu agora de azul toma um 
tom acinzentado,
O ar quente e sem trégua 
agora 
se torna brisa suave,
refrescante
Mais alguns fechar de olhos
e a noite 
já se fez presente.
No céu escuro tapete 
pras estrelas
Reinado da senhora lua
 enquanto o Mar 
agora prateado
sussurra nomes de amores vividos
e renascidos
Para mais uma noite 
de plenitude 
E prazer 
intenso.
Agora ja noite feita.
Catiaho/Reflexo d’Alma

Pesquisar este blog

Share |