Reflexão em Essência Compartilhada

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Versos signos tantos

Hoje tambem posto aqui http://reflexoemfotoslugaresimagens.blogspot.com/


Tantos versos espalhados
Que as vezes se parecem com a brisa
quando  levada de um lado para o outro.
Pra onde irão tantos assim?
São versos que falam de tudo.
 De tantas eras
 Por esferas  sem fim.
Falam de encanto ,
de desencanto
 de silêncios , 
falam do santo e do profano.
Exalta os que na sargeta,
jazem
quase que ali de si 
esquecidos.
São tantos versos
que meu Deus!
Não é possivel  mensagem tão explicita
não entender.
Eles, os versos,  
são o signo nítido que poesia 
 nos seres
nunca há defenecer.
Catiaho Alcantara 06.20 0308010

Pesquisar este blog

Share |