Reflexão em Essência Compartilhada

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Como pôde


Como pôde assim pensar
Que de mim um dia vai
E sem nada fazer
Vou deixar que vá

É meu amor primeiro
Poeta de minha ins pira ção
E dos meus sonhos aquele
Que trás forte ação

Sou apenas uma mulher
Que tarde aprende a viver
E entender que paixão
Da vida é o saber

Nada se compara a esperança
De em seus braços me perder
Pra só depois do depois
de novo voltar a me perder

Como Pôde um dia achar
Que nosso amor fogo de palha era
Paixão sei que passa mas nosso amor
É chama  nasceu pra eterno ser
Reflexo d'Alma 2323 0602012

Pesquisar este blog

Share |