Reflexão em Essência Compartilhada

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Várias caras

"Tenho várias caras. Uma é quase bonita, outra é quase feia. Sou um o quê? Um quase tudo."Clarice Lispector

Tenho tantas  caras que nem sei
Se alguma delas sou quem sonhei.
Porém sei  que cada uma
cumpre na vida seu papel.
Mas há uma que não deixa duvida
Essa éa  de quem nasci pra ser.
Cara que não pede:manda.
Que impõe seja o que for
desde que tenha razão,
essa é a cara que diz quem sou.
Já tive cara de coitada.
Cara de com licença por favor.
Nada com elas obtive
se não  desprezo e desrespeito.
Mas também tenho a cara de satisfeita,
da que com o prazer se encontrou.
Não tenho cara de bandida
mas mantenho a cara de quem amou.
Seja que cara eu lhe pareça
saiba que tenho várias a meu sabor,
menos de remorso , 
pois essa comigo nunca ficou.
Se olhar bem pros meus olhos
saberá  de fato que cara tenho.
Só não ouse indagar
que cara tem o amor. 
Pois amor se guarda no peito
 e a cara é certo que não importou.
Minhas caras tem seus efeitos
mas  dizem quem na verdade Sou.
Não são feias nem bonitas;
porém sim as caras do Reflexo que sou.
mas são somente simples versos de
Catiaho escrevendo  bobagens sem compromisso 
com cara de quem aprontou!(huahuahua)

Bjins entre sonhos e delírios


Pesquisar este blog

Share |